Smart Farming: a tecnologia aplicada no campo de forma eficiente

Smart Farming: a tecnologia aplicada no campo de forma eficiente

Smart Farming: a tecnologia aplicada no campo de forma eficiente

Tecnologia no Campo

Inteligência artificial, Big Data, Internet of Things (IoT), Machine Learning e por aí segue. Provavelmente você já escutou algum desses conceitos quando o assunto era o agronegócio. Isso basicamente mostra como a tecnologia está chegando no campo de forma extremamente rápida!

Smart Farming, do português Fazenda Inteligente ou Agricultura Inteligente, esse termo traduz a inserção de tecnologias para alcançar resultados e desempenhos cada vez melhores na produção do campo.

Nesse artigo iremos entender tudo sobre esse conceito e ver o seu funcionamento na prática:

O que é Smart Farming?

O termo Smart Farming refere se ao uso de tecnologias avançadas no campo. O objetivo é fazer tudo de forma mais eficiente na fazenda, podendo ser através de informações em tempo real, previsões de dados e a utilização de ferramentas avançadas e inteligentes.

plantas daninhas
(via deccanherald)

Basicamente, a ideia do Smart Farming é atuar em duas frentes: Na tomada de decisão e na aplicação. Pensando em fluxo completo, a fazenda perfeita funciona:

  1. Extraindo dados em tempo real;
  2. Tratando os números e criando previsões;
  3. Tomando a decisão baseando-se em argumentos e fatos levantados anteriormente;
  4. Aplicando as ações definidas da forma mais eficiente possível;
  5. Entendendo os resultados para melhoria contínua.

Ferramentas do Smart Farming?

Drone:

O drone está se mostrando cada vez mais versátil para o agronegócio. Hoje já podemos usar para pulverização, irrigação, mapeamento aéreo e georreferenciamento. Você pode entender por completo nesse artigo: Drones na Agricultura

GPS:

Uma tecnologia de certa forma antiga, mas que sempre esteve em constante evolução e melhorias. Utilizando o GPS podemos controlar máquinas agrícolas, planejar as colheitas e até medir a produtividade da fazenda. Entenda mais em: Aplicações do GPS Agrícola

Imagens via Satélites:

Através de satélites podemos obter imagens simples e parecidas com o que o olho humano pode captar. Essas informações, apesar de simples, podem ser decisivas no momento de tomada de decisão.

Entretanto, se avançarmos no lado da tecnologia, podemos obter imagens espectrais. Dessa maneira podemos ter acesso a diversas a novas informações. Essas imagens permitem captar  faixas do espectro invisíveis ao olho humano, como a infravermelha, permitindo assim análises como o NDVI e climática. Saiba mais em: Satélites na agricultura

Sensores:

Através de diversos sensores posicionados em locais estratégicos podemos obter várias informações sobre a fazenda, até mesmo em tempo real. Após a coleta e o tratamento desses dados podemos entender de forma objetiva o que está acontecendo na plantação. Dessa maneira, podemos decidir quais as ações são necessárias para melhorar a produtividade.

Esses sensores podem ser para entender características do solo, medir a umidade e temperatura no solo e no ar; avaliar a velocidade da colheitadeira e outros diversos pontos.

Softwares de Gestão:

Com milhares de dados e diversas informações chegando por todas partes é necessário centralizar tudo sobre a plantação em um único lugar. Além disso, precisamos do histórico de todas as ações realizadas para entender os resultados e também decidir os próximos passos.

Os Softwares surgem exatamente com essa funcionalidade. A ideia é organizar todas as informações e os fluxos de todos os processos. Para alcançar uma fazenda eficiente antes é necessário uma fazenda organizada.

Ordenha: tudo que você precisa saber para um processo eficiente
8 tecnologias que mudaram as atividades no campo
Agrishow 2019: o que esperar dessa edição do evento
MAIS PUBLICAÇÕES
2019-05-13T12:45:58+00:00 0 Comments

About the Author:

Tecnologia no Campo

Leave A Comment