Fazenda com plantio de milho

Plantio de milho: dicas para melhorar a produtividade

O milho é um dos cereais mais consumidos no mundo, pois é rico em nutrientes e pode ser usado de diversas formas. Sua produção no Brasil atingiu cerca de 100 milhões de toneladas em 2019, de acordo com a pesquisa do Cepea – Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada.

Por isso, o plantio de milho pode ser uma excelente alternativa de negócio para o produtor agropecuário. A seguir, saiba mais sobre como garantir a melhor produtividade para a sua plantação, gerando um produto final de excelente qualidade. Boa leitura!  

Por que investir no milho?

O Brasil é o terceiro produtor de milho do mundo, de acordo com a Embrapa. Portanto, o plantio de milho pode ser um ótimo negócio para os produtores, já que ele possui uma alta demanda interna e externa para o consumo.

O milho é um grão que possui grande variedade comercial. Além de servir para a composição de diversos alimentos, também é utilizado nas lavouras para a silagem, aumentando a disponibilidade do amido para os animais. Isso causa a formação de mais ácidos graxos voláteis e, também, o aumento da produção da lactose e do teor da gordura do leite. A silagem de milho contribui com o fornecimento de energia, amido e fibras para as vacas, podendo impactar positivamente a produção leiteira.

Qual é a melhor época para plantar milho?

O plantio de milho pode ser afetado por fatores climáticos e pelo solo. Portanto, é necessário que o produtor rural tenha atenção ao momento da produção. Os períodos de falta de chuva podem prejudicar o cultivo, por isso, é necessário programar o plantio fora de períodos de seca.

Principais cuidados para o plantio de milho

Para garantir a qualidade do produto final, é necessário manter cuidados desde o plantio até a colheita do milho. Confira, a seguir, alguns cuidados essenciais para garantir a produtividade:

Temperatura do local

A temperatura ideal para o plantio de milho é de 24 a 30ºC. No entanto, o milho também pode germinar em temperaturas mais baixas, mas o processo pode ser mais demorado do que nas regiões mais quentes.

Solo

O pH do solo adequado para o plantio de milho é de 5,5 a 6,8. É importante, também, que o solo seja rico em matéria orgânica e, também, em nitrogênio. Para simplificar os processos de semeadura e colheita, o ideal é plantar milho em espaços planos e sem declínio.

Luminosidade do ambiente

Para garantir a qualidade do produto final, o plantio de milho deve ser feito em lugares que recebem luz solar direta por algumas horas do dia.

Semeadura do milho

As sementes utilizadas para o cultivo de milho são os próprios grãos. É necessário mantê-los longe da exposição solar até o momento do plantio para não prejudicar a sua qualidade. Elas serão semeadas diretamente no local definitivo para o cultivo.

Como evitar pragas e doenças no plantio de milho

As raízes do milho são superficiais, o que pode gerar ervas daninhas com mais facilidade. Por isso, o produtor rural deve eliminá-las antes que elas prejudiquem o desenvolvimento da planta, que pode afetar a qualidade do milho que será colhido.

Além disso, a ausência de nutrientes no solo pode deixar as folhas amareladas. Para resolver o problema, é necessário adubar a terra novamente, pois o milho retira os nutrientes do solo durante o período de cultivo.

Como fazer a colheita do milho?

A colheita é uma fase extremamente importante do cultivo de milho. Isso porque, se for realizada adequadamente, pode evitar possíveis perdas e prejuízos para o agricultor.

Após a maturidade fisiológica do milho, os grãos ficam expostos e podem ser atacados por pragas. Em casos de chuvas, os grãos podem apodrecer ou passar pelo processo de germinação.

É indicado que a colheita seja iniciada no momento da maturação fisiológica (enchimento dos grãos), onde metade das sementes da espiga apresentam uma camada preta no ponto de inserção ao sabugo. O milho pode ser colhido quando os grãos atingirem a umidade entre 15 e 18%.

Se a umidade do milho estiver superior a 18%, é necessário fazer a secagem dos grãos. Esse processo é realizado para garantir a melhor qualidade do produto. Ele é feito em condições naturais, pois a exposição ao sol faz com que a água contida evapore.

O plantio de milho não é tão difícil quanto parece. A manutenção não é tão complicada, e a planta se adapta muito bem às condições climáticas no Brasil. Com o planejamento adequado, o produtor garantirá um plantio de milho com maiores chances de alcançar altos índices de produtividade e rentabilidade.

Gostou do nosso conteúdo sobre o plantio de milho? Aproveite para ler também o artigo sobre a Braquiária, uma planta forrageira que serve alimento para a pecuária e também é capaz de melhorar a saúde do solo e ajudar no desenvolvimento de algumas culturas, como a do milho e do café.

Quer receber mais conteúdos como esse gratuitamente?

Cadastre-se para receber os nossos conteúdos por e-mail.

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.