Criação de avestruz

Criação de avestruz: saiba tudo sobre o assunto

O avestruz é uma ave africana não voadora, muito conhecida por seu pescoço longo e grande tamanho: em média, o animal tem 2,80 metros de altura e 150 quilos! Dessa forma, ele é muito visto em zoológicos no Brasil.

No entanto, esse animal também possui grande potencial no mercado, se mostrando como um negócio de alta capacidade de sucesso. Assim, a estrutiocultura, ou seja, a criação de avestruz, é um empreendimento cada vez mais realizado por criadores de aves do país.

Se deseja saber quais são as oportunidades de negócios, assim como todos os cuidados na criação de avestruz, continue lendo esse artigo!

Oportunidades de negócios com uma criação de avestruz

A carne saborosa do avestruz tem atraído cada vez mais os criadores interessados em investir nessa ave. Com textura semelhante à carne bovina, a carne de avestruz possui teores de colesterol e gordura muito baixos, em relação às outras carnes.

Além disso, o avestruz ainda fornece suas plumas, muito utilizadas em adornos e em objetos como travesseiros e espanadores. Um animal adulto possui até dois quilos de penas em seu corpo, portanto, considerando seu alto valor no mercado, comercializar as plumas de avestruz pode ser um negócio vantajoso.

É importante falar também sobre os ovos de avestruz, que são extremamente nutritivos e podem pesar até dois quilos. Por terem tamanho diferenciado, assim como um sabor mais forte, os ovos de avestruz podem chegar a custar R$300,00 a unidade.

Considerando essas características, a criação de avestruz pode trazer excelentes oportunidades de negócios para criadores de aves.

Algumas das principais raças de avestruz

Comercialmente, existem três raças de avestruz: Black Neck, Red Neck e Blue Neck. Esta classificação é baseada na cor do pescoço dos avestruzes adultos. Porém, todas as raças apresentam a mesma coloração de penas: preta nos machos e cinza nas fêmeas. Confira a seguir um pouco mais sobre as raças de avestruz.

Black Neck

Black Neck, traduzido como Pescoço Preto, é uma raça de avestruz também conhecida como African Black. Por ser considerada a raça mais dócil, é também a mais utilizada a nível comercial.

Resultado do cruzamento entre subespécies ao longo dos últimos 150 anos, a Black Neck é a ave mais baixa de todas as raças de avestruz. Sua característica principal é a qualidade de suas penas, portanto, a raça possui a preferência dos fornecedores de plumas.

Red Neck

Red Neck, ou então Pescoço Vermelho, é a raça de avestruz de maior porte, e possui a pele em tom vermelho. Essa subespécie habita principalmente o Quênia e parte da Tanzânia, e é a mais agressiva e competitiva de todas, podendo chegar a atacar pessoas. Assim, é um animal perigoso para o contato humano e até mesmo outros avestruzes.

Blue Neck

Blue Neck, ou Pescoço Azul, é uma raça de avestruz de porte médio. Ela apresenta a pele com tom cinzento azulado, e habita o Nordeste africano. Essa ave é menos agressiva e territorialista que a Red Neck, porém, também oferece risco aos homens e a outras raças de avestruzes.

Com o interesse crescente pela carne do avestruz, foi criada, através de cruzamentos, a raça Blue Black, que apresenta maior fertilidade, precocidade, docilidade e alta densidade de plumas, em relação às outras raças.

Cuidados necessários para criar avestruz

Para a criação de avestruz, é necessário estar atento a alguns cuidados com a infraestrutura e a alimentação do animal, entre outros que veremos abaixo.

Infraestrutura

Para criar avestruz, fazendas e sítios são ideais, pois além de serem amplos, possuem pasto para as aves desfrutarem. Já para a alimentação e proteção contra condições climáticas, é recomendado ter galpões cobertos.

O espaço onde o avestruz vai ficar deve ser todo cercado com telas resistentes, com furos pequenos para que não corra o risco de o pescoço da ave ficar preso.

Alimentação

Basicamente, a alimentação do avestruz se resume a ração e pasto. Porém, para estimular o crescimento e a engorda, pode ser acrescentado leguminosas e fenos de alfafa à alimentação da ave.

Uma curiosidade é que os avestruzes devem engolir pedras, que ajudam no processo de digestão. Por isso, é importante sempre manter pedras espalhadas pelo pasto. 

Outros cuidados

O recomendado para a atividade comercial é possuir no mínimo dez casais de avestruzes, com incubação de ovos. Além disso, essas aves devem ser livres de doenças ou carrapatos. Assim, é preciso sempre realizar exames e contratar profissionais especializados em animais do tipo.

Um ponto importante é que o avestruz não possui paladar, por isso, ele pode comer qualquer coisa que encontrar pela frente, inclusive materiais que podem machucá-lo quando ingeridos. Dessa forma, é recomendado ter muito cuidado para manter o local de criação sempre limpo e organizado.

Por fim, não é recomendado explorar excessivamente o casal de aves reprodutoras, para não estressar o animal e nem interferir negativamente no índice de reprodução.

Benefícios da criação de avestruz

O avestruz pode ser uma ótima fonte de renda para produtores. Isso acontece porque a carne da ave está sendo cada vez mais buscada devido ao seu diferencial nutricional e seu sabor, sendo considerado um alimento exótico e nobre.

A comercialização de ovos de avestruz, por sua vez, é um meio muito lucrativo para criadores, já que seu elevado tamanho atraem curiosos no mercado e podem ser comercializados a um alto valor.

Por fim, as plumas são amplamente utilizadas no Brasil há anos, principalmente em festivais como o Carnaval, que popularizou seu uso. Além disso, sua utilização em objetos e adornos caseiros é também muito comum.

Portanto, devido a sua versatilidade, criar avestruzes pode ser um negócio promissor e muito lucrativo para criadores de todo o Brasil.
A busca pela carne diferenciada, o ovo de tamanho surpreendente e a funcionalidade no uso de plumas faz com que criar avestruzes seja um negócio muito lucrativo para produtores do país. Se deseja saber também sobre suinocultura, leia nosso artigo sobre as principais raças de porco!

Quer receber mais conteúdos como esse gratuitamente?

Cadastre-se para receber os nossos conteúdos por e-mail.

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.
Ops! Captcha inválido, por favor verifique se o captcha está correto.

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.