Sistema de Irrigação: o que avaliar na hora de comprar uma irrigação

Sistema de Irrigação: 3 pontos para se avaliar na hora de comprar uma irrigação

Sistema de Irrigação: 3 pontos para se avaliar na hora de comprar uma irrigação

Eduardo Hendler | IRRIGAT

Que as chuvas são irregulares em todo o país todos nós sabemos, mas ainda assim menos de 10% dos produtores possuem um sistema de irrigação. Todos os produtores que irrigam relatam aumento de produção de no mínimo 30%, podendo chegar até a triplicar a produção rural.

Na hora de comprar o seu sistema de irrigação é importante avaliar diversos fatores para garantir que o resultado seja maximizado.

Pensando nessa oportunidade para os produtores, o time da IRRIGAT fez esse artigo listando alguns pontos de atenção na escolha desses sistemas.

Fatores para se avaliar em um sistema de irrigação

1 – Disponibilidade de água na propriedade

Independente do sistema de irrigação que será utilizado é necessário que o produtor tenha um ponto para captação da água que será usada para a irrigação. É importante considerar o volume disponível e a reposição de água diária.

Muitas vezes até um ponto com pouca capacidade de armazenamento, mas alta reposição diária de água, pode ser usado para a irrigação.

2 – Tamanho da área

Dependendo de qual a dimensão que se deseja irrigar, um sistema de irrigação irá ficar mais interessante que outro.

É importante avaliar a operação e funcionamento do sistema para identificar se esse vai estar de acordo em termos importantes, como:

  • aproveitamento da área total
  • necessidade de mão de obra
  • lâmina necessária para a cultura
  • consumo de energia ou combustível
manejo integrado de pragas

3 – Avaliação do Custo x Benefício

A avaliação do custo x benefício pode ser considerado o fator mais importante a ser avaliado pelos produtores na hora de se escolher um sistema de irrigação. Nem sempre o sistema com menor preço é o mais barato no longo prazo.

É muito comum produtores adquirirem sistemas de irrigação usados ou uma certa quantidade de canos e aspersores (sendo necessário o transporte constante dentro da área) por um valor abaixo do restante dos sistemas, mas ,quando começam a operar esses sistemas sentem uma enorme dificuldade.

Essa dificuldade acontece, principalmente, pelo desgaste causado o manuseio dessa irrigação no dia a dia. Além disso, se contratam mão de obra terceirizada, os produtores têm dificuldade para encontrar pessoas dispostas a operar nessas condições.

O valor para adquirir o sistema é importante, mas é fundamental considerar outros pontos também, como:

  • tempo necessário por dia para operar o sistema
  • manutenção do sistema ao longo do tempo (quebra de tubos, substituição de peças, cuidados necessários ao longo da operação)
  • potência e consumo da motobomba

Além disso, é fundamental ouvir o que dizem outros produtores que possuem o mesmo sistema de irrigação que você deseja adquirir.

Na compra de um sistema de irrigação, por incrível que pareça, a escolha do sistema em si é só uma etapa. Isso acontece pois esse é um investimento que dura a longo prazo, por isso é fundamental estudar bem com quem se está comprando, as garantias e relatos de outros clientes dessa empresa, custo de reposição de peças e durabilidade do equipamento.

Quer saber melhor como escolher o melhor sistema de irrigação para sua propriedade? Fale conosco!

Saiba tudo sobre o GPS Agrícola
8 tecnologias que mudaram as atividades no campo
Entenda tudo sobre Drones na Agricultura
MAIS PUBLICAÇÕES
2018-12-02T23:01:39+00:00 0 Comments

About the Author:

Tecnologia no Campo

Leave A Comment