Saiba como o fosfato natural pode enriquecer o solo da sua lavoura

Saiba como o fosfato natural pode enriquecer o solo da sua lavoura

Para uma boa produtividade das plantações, é importante que o solo tenha todos os nutrientes necessários e em quantidade suficiente. Na maior parte do Brasil, temos um solo com baixa fertilidade natural, principalmente devido à pouca quantidade de fósforo.

O fósforo é um nutriente muito importante para o desenvolvimento das plantas, portanto, sua aplicação para o enriquecimento do solo é fundamental. Para isso, são utilizados os fosfatos naturais, que são fertilizantes que contém esse nutriente em sua composição. Para saber mais informações sobre o assunto, continue lendo nosso texto! Aqui você entenderá:

  • O que é o fosfato natural;
  • Qual a função do fósforo para as plantas;
  • O que são os fosfatos naturais reativos;
  • Qual a importância do fosfato natural;
  • Como utilizar o fosfato natural na sua lavoura.

O que é o fosfato natural?

O fosfato natural é um concentrado com grande quantidade de fósforo, muito utilizado para ajudar na correção da fertilidade do solo. Com seu efeito residual, ele promove benefícios ao solo ao longo dos anos de forma contínua, permitindo uma maior eficiência agronômica.

Os fosfatos naturais podem ter origem do mineral apatita, sendo assim cristalizados, duros e caracterizados por menor solubilidade. Além disso, podem ter origem das rochas sedimentares, sendo orgânicos e amorfos (sem forma determinada), podendo ser utilizados sem passar por nenhum tratamento químico ou térmico. 

Qual a função do fósforo para as plantas?

O fosfato natural possui em sua composição o elemento fósforo. Esse nutriente é responsável por captar a luz solar e transformá-la em energia, sendo assim, fundamental para o desenvolvimento e crescimento das plantas.

De forma geral, o solo brasileiro é ácido e tem baixa quantidade desse nutriente devido às condições climáticas do país. Portanto, ele possui pouca fertilidade natural, diminuindo assim a rentabilidade do produtor.

Dessa forma, os fosfatos naturais, com sua grande quantidade de fósforo, surgem para suprir a necessidade de um solo mais fértil. Eles estão sendo cada vez mais utilizados em lavouras de cultivos de diversos tipos, levando a excelentes resultados na produtividade.

O que são os fosfatos naturais reativos?

Os fosfatos naturais reativos possuem mais solubilidade do que os fosfatos naturais convencionais. Eles são processados de rochas sedimentares, formadas pela deposição de restos de animais marinhos.

Além disso, possuem alta porosidade e reatividade, dissolvendo no solo mais rapidamente do que os fosfatos naturais simples. Devido a isso, os fosfatos naturais reativos são mais eficazes e, geralmente, os mais utilizados atualmente em solo brasileiro.

Qual a importância do fosfato natural?

O fosfato natural permite uma fertilização adequada do solo para o desenvolvimento e o crescimento saudável das plantas. Dessa forma, ele se comporta como uma ótima alternativa para solucionar o problema da baixa fertilidade do solo brasileiro.

Além disso, ele é muito relevante por se tratar de um recurso natural. Assim, não prejudica o meio ambiente, desde o momento de sua captação até o seu uso.

Ainda, os fosfatos naturais também possuem baixo custo. Por fim, quando são utilizados no início do uso da terra nas produções agrícolas, eles promovem uma economia ao produtor, que não precisa investir nos caros fertilizantes fosfatados solúveis.

Como utilizar o fosfato natural na sua lavoura?

Para utilizar o fosfato natural, é importante que você esteja atento à quantidade necessária de produto a ser utilizado, assim como quais são as melhores épocas e o local correto para sua aplicação. Segue abaixo algumas dicas de como utilizar o fosfato natural da maneira certa:

Quantidade de produto utilizado

As plantas não exigem grande quantidade de fósforo, porém, a aplicação do produto geralmente ocorre em grandes quantidades, já que o fosfato não tem grande potencial de fixação. Contudo, para diferentes tipos de plantio, são recomendadas doses específicas do fosfato natural. Portanto, consulte um engenheiro agrônomo para realizar esse processo de forma segura e eficaz.

Melhores épocas para a aplicação

Para suprir a quantidade necessária de fósforo nas plantas, o ideal é que os fosfatos naturais sejam introduzidos na semeadura e/ou plantio. É necessário que seja feita nessa época para fornecer a energia suficiente para que a planta cresça de forma eficaz.

Local correto da aplicação

Para a correção do solo, ou fosfatagem, o produto deve ser aplicado em área total com incorporação para tentar chegar à quantidade adequada de fósforo. Já para a adubação de manutenção, é preciso aplicar o fosfato natural de maneira localizada no solo, principalmente próximo à região das raízes da planta.

Além disso, é preciso posicionar essa adubação ao lado ou abaixo da semente. É importante ressaltar que o ideal é que a aplicação dos fosfatos naturais seja feita em solos com pH em torno de 5,5 a 6,5.

Utilizar os fosfatos naturais é uma maneira eficaz de enriquecer o solo, o que é fundamental no Brasil, onde temos uma terra pobre em fertilidade. Dessa forma, siga nossas dicas para deixar o solo da sua lavoura cada vez mais produtivo para suas plantações! Gostou do nosso conteúdo? Temos também um texto sobre bioenergia que você pode se interessar. Nele você saberá qual a importância dessa fonte de energia sustentável para o futuro!

Quer receber mais conteúdos como esse gratuitamente?

Cadastre-se para receber os nossos conteúdos por e-mail.

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.
Ops! Captcha inválido, por favor verifique se o captcha está correto.

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.