Estufas Agrícolas

Estufas agrícolas: conheça a modalidade do cultivo protegido e saiba como ela pode ajudar na sua produção

Uma lavoura desprotegida pode ser alvo de vários tipos de problemas. Pragas, doenças, animais invasores e até o próprio clima podem impactar negativamente numa plantação. Para resolver esses e outros problemas, os produtores estão adotando as estufas agrícolas, uma modalidade de cultivo protegido.

Essas estruturas são muito eficientes para a produção agrícola. E, se você quiser conhecer um pouco mais sobre elas, sugiro que acompanhe a leitura deste artigo. Reunimos informações preciosas para quem quer aproveitar deste modelo de plantio!

O que são as estufas agrícolas?

As estufas agrícolas são estruturas construídas para proteger a lavoura de qualquer variação climática expressiva, como chuvas e ventos fortes. Protegem-na, também, do acometimento de algumas doenças, pragas e de animais invasores. 

É possível manusear as estufas de modo a ajustar a luz e a incidência de calor no cultivo de qualquer planta. Isso é necessário em algumas plantações, pois determinadas plantas necessitam de maior — ou menor — incidência solar que outras.

Tipos de estufas agrícolas

Existem vários modelos de estufas que são utilizados pelo Brasil afora. Todas diferem entre si em algum ponto, seja no valor, tamanho, na variação de luz solar, etc. Resumindo, existem diversos parâmetros para a escolha de estufas, dependendo do tipo de cultivo desejado.

Veja, a seguir, os modelos de estufas agrícolas e suas principais características:

Arco tubo

Estufas agrícolas - arco tubo

Fonte: MarketingAgrícola

A estufa de “arco tubo” é um modelo simples e econômico. Ela é perfeita para o plantio de culturas baixas, como morango, alface e couve, por exemplo.

Arco treliçado

Estufas agrícolas - Arco treliçado

Fonte: Acopema

A estufa de “arco treliçado” é, dentre todas as estufas agrícolas do mercado, a que possui melhor custo-benefício. Elas são indicadas para o cultivo hortifrutigranjeiro, pois possuem um grande espaço interno e alta resistência ao vento.

Arco dente de serra

Estufas agrícolas - arco dente de serra

Fonte: Acopema

A estufa de “arco dente de serra” possui aberturas no topo de sua estrutura e ao longo de seu comprimento. Essas aberturas são reguláveis por meio de janelas, para facilitar a ventilação do ambiente e ajudar na redução da temperatura interna. Esse é um ponto extremamente importante nesse modelo pois o agricultor deixa de gastar com sistemas de resfriamento e ventilação na horta.

Capela

Estufas agrícolas - capela

Fonte: AgriExpo

A estufa “capela” é assim chamada pois sua estrutura se assemelha à de uma pequena igreja. 

Esse modelo é perfeito para locais com altas discrepâncias térmicas. Por exemplo, quando é necessário um ambiente interno frio para o cultivo de uma cultura, porém no ambiente externo é muito quente, o telhado inclinado impede que a água de condensação caia sobre as plantas.

Londrina

Estufas agrícolas - londrina

Fonte: JulioAgroEcology

A estufa “londrina” é bastante famosa na região Sul do Brasil e, normalmente, é utilizada para o cultivo de uva. O teto deste modelo é reto, formado por uma malha duplas de arame que sustenta o plástico. Além disso, a cobertura apresenta leves ondulações que facilitam o escoamento de água.

Vantagens das estufas agrícolas

Além do que já foi dito anteriormente, como a proteção de variações climáticas e de pestes, existem outros benefícios que as estufas proporcionam para a sua plantação. Aqui, reunimos os principais motivos que fazem com que os produtores rurais adotem essa estrutura para suas lavouras. Veja a seguir:

  • Controla o calor e a luz do ambiente, o que permite a produção de várias culturas, independente da região e da época do ano;
  • Diminui o ciclo da planta, proporcionando uma colheita mais rápida;
  • Reduz o consumo de água para o cultivo, pois a estrutura de estufa fechada reduz a evapotranspiração;
  • Protege contra a chuva, granizo e geadas;
  • Controla o vento e a incidência solar;
  • Permite a comercialização do cultivo na época de entressafra.

As estufas são estruturas que ajudam muito na eficiência da produção, pois ajudam o produtor a flexibilizar seu manejo de cultura. Além disso, essas estruturas podem ser aprimoradas através da instalação de telas, tetos, janelas e isolamento do chão para evitar o contato dos insetos com o solo.

Esperamos ter esclarecido suas dúvidas a respeito de estufas agrícolas. Para aumentar a eficiência da sua produção, confira também esse artigo sobre fertirrigação, que irá te ajudar a irrigar e, ao mesmo tempo, fertilizar suas lavouras. Isso tudo de forma prática e econômica!

Quer receber mais conteúdos como esse gratuitamente?

Cadastre-se para receber os nossos conteúdos por e-mail.

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.